quarta-feira, 2 de novembro de 2011

MoonLight - Capitulo 1

Nick On:

Eu conseguia ouvir um bater de um coração acelerado e uma respiração irregular. A garota corria o mais rápido que podia, tentando fugir de mim, a escuridão da noite não ajudava, mesmo a minha visão sendo muito melhor que a dela.
Eu ouvia a sua respiração ofegante, pela correria, os seus passos cada vez mais rápidos.
Até que não a vi mais, corri à minha velocidade máxima, até onde ela estava à segundos atrás, mas ela não estava mais lá, para onde tinha ido?
Eu tinha de levá-la ao mestre…Tinha, porque se não, eu estava frito, ia ser morto, por ele…
Ela era a minha salvação, eu tinha de encontrá-la, custe o que custasse…

Caminhei até à casa dele, com más noticias, esperemos que ele não estivesse, não queria morrer hoje, mas estava.
Era um homem que aparentava uns 40, anos, alto e gordo. Estava sentado numa cadeira com um copo de uisqui na mão.
Caminhei até ele de cabeça baixa, arrependido e esperando que ele tivesse piedade de mim, eu tentei, mas não consegui, sério que não percebo como a humana escapou-se.

Mestre: Onde está a garota? Conseguiu pegá-la?? – ele perguntou de sobrolho erguido, olhando para mim como que se estivesse quase a explodir de raiva.
Nick: Ela…ela…fugiu – gaguejei, um pouco, temendo o pior.
Mestre: Como assim ela fugiu? Imprestável, eu mando você fazer algo, uma coisa tão simples como trazer-me uma humana e você não me obedece? – ele gritou, levantando-se da cadeira, as suas faces estão rosadas de tanta raiva, tinha o dedo indicador apontado para mim, nos seus olhos eu via raiva, mas também desespero.
Nick: Eu não tive culpa, eu estava a persegui-la e de um momento para outro ela desapareceu… - tentei-me desculpar, era verdade, mas qualquer pessoa que ouvisse isso da minha boca, não ia acreditar, eu estava demasiado assustado.
Mestre: Eu quero que você pegue essa garota, até amanha, ou você morre. Ela é a chave para a minha salvação, para revolucionar esse mundo, eu vou sair das trevas, vou ressuscitar, mas sem ela, não posso…Isso também é bom para você, então PEGUE ESSA GAROTA! – ele gritou as ultimas palavras, e elas fizeram eco na minha cabeça, o resto da noite, eu ia pegá-la, tinha de pegá-la, ela era a salvação para a nossa espécie.

Acordei nessa manhã, as palavras do mestre ainda ecoava na minha mente, mas eu tinha uma ideia, eu sabia a escola dela, eu ia para essa escola, para conseguir apanhá-la e fazer o ritual, que me ia salvar deste mundo obscuro.
Sai de casa, neste dia, os raios de sol estavam escondidos pelas nuvens cinzentas e pesadas, uma chuva estava para breve.
Corri até ao meu carro, entrei e logo começaram a cair as primeiras gotas de chuva, liguei o carro e dirige-me à escola.

Nick Off/Selena On:

Corri por baixo dos pingos grossos de chuva em direçao à escola, faltava pouco para bater o sinal, não que eu me importasse de chegar atrasada.
Quando ultrapassei a entrada da escola finalmente suspirei de alívio por me ter salvo da chuva, não queria molhar as minhas roupas novas.
Lá dentro, abrigada da chuva, caminhei em busca da minha melhor amiga.
Por tudo onde passava, havia sempre alguém que olhava para mim, um garoto, quase sempre…Eu gosto disso, seduzir e ser seduzida, então olhava e sorria e continuava o meu caminho.
Cheguei ao fundo do corredor onde estavam Demi e Joe, Joe, o meu gato e lindão namorado e Demi, a minha incrível melhor amiga. Eles são melhores amigos e confesso que tenho um pouco de ciúmes da forma como eles se dão…Mas sei que eles nunca me iriam trair.

Joe: Oi linda – o Joe sorriu ao ver eu me aproximar e veio até mim e deu-me um selinho. Ele é fofo, é isso que eu gosto nele, gosto, não amo, é diferente.
Selena: Entao, do que estavam a falar?? – eu perguntei olhando também para demi.
Joe: Nada de especial… - ele disse meio atrapalhado…eles estavam a esconder-me algo.
Selena: Falem! O que se passa?? Estou a ficar curiosa.
Demi: É que o Joe queria fazer-te uma surpresa e pediu-me ajuda…Pronto, satisfeita? Agora já não é surpresa…
Selena: Oh que fofo – abracei-o forte – Não interessa que eu saiba, você vai fazer na mesma né? – eu perguntei com o meu rosto bem próximo do dele, quase o beijando.
Joe: Claro Selly.

Nesse momento bateu o sinal, aff’s lá vamos nós para o saco das aulas.
Entrei na sala e logo vejo a minha amiga Miley, sento ao lado dela.
Miley é muito bonita e popular, ela é a líder de torcida, anda sempre com o uniforme para todo o lado, aqui, o uniforme é tipo uma forma de respeito, de superioridade, eu já fui da torcida, agora já não, cansei-me daquilo. As garotas são demais e divertidas, mas não são pessoas em quem se possa confiar, por isso que a Demi é a minha melhor amiga e não a Miley. Mas eu continuo a ser popular, com ou sem torcida.
Eu estou pensando em tudo e mais alguma coisa para não pensar no que aconteceu ontem, quando penso nisso um arrepio percorre-me a espinha, foi tão estranho, tão assustador…Alguém, a perseguir-me, não sabia para onde ir, não sabia porquê, o medo que eu senti, não sabia o que queria de mim, mas por sorte consegui fugir.
Nessa hora, parei de pensar porque o professor entrou na sala, e jogou literalmente a sua pasta em cima da mesa, todo o mundo se assustou.

Professor: Vocês são uma vergonha! VERGONHA! Estes testes estão uma desgraça…

Aff’s vai começar, pensei isso e peguei o meu mp4 e coloquei os fones nos ouvidos, não estou para ficar uma hora inteira a ouvir esse velho resmungando.

Quando a aula acabou dei graças a deus e sai da sala apressada, estava caminhando até ao recreio quando oiço uma voz chamar-me e paro de andar.

Miley: SELENA! ESPERA AI! – ela correu ate mim – Tenho uma coisa para te contar.
Selena: Diz lá, My, o que aconteceu?? – ela ia falar uma nova fofoca, Miley era muito fofoqueira, de certeza que tinha acontecido alguma coisa a alguma menina da torcida…
Miley: Isso…Não é muito fácil de se dizer – ela começou a enrolar, odeio quando começam a enrolar, se é coisa má, falem de uma vez.
Selena:Não era Miley, diz logo o que se passa…
Miley: Eu não sei se é verdade, so sei o que me contaram. Disseram-me que a Demi e o Joe estão te traindo.

WTF? ESSA MENINA ENLOUQUECEU? A DEMI? COM O JOE? ELES NÃO ERAM CAPAZES!

Selena: CALA A BOCA, SUA MENTIROSA, NÃO ACREDITO EM NENHUMA PALAVRA DO QUE VOCE TA DIZENDO! NÃO VENHA FALAR MAL DELES, ELES SÃO BEM MELHORES QUE VOCE E NUNCA ME IRIAM TRAIR – explodi de raiva e sai de lá para não dar um tapa na cara dela, fofoqueira…mentirosa…Como ela tem coragem?
Andei mais apressada, esperando que ela não viesse atrás de mim, dobrei a esquina em direçao ao pátio, quando vejo-o. De repente, senti que o mundo tinha parado.

CONTINUAAA!

é isso ai, gente, essa é a minha nova historia, eu acho que ficou bom o ep.1, entao comentei, falem se eu melhorei a escrita...piorei, etc, so comentem ok?? é que tou com muitas ideias e quero saber se tao gostando.
Eu vou ja tratar de fazer uma remodulaçao aqui no blog

8 comentários:

  1. AMEEEEI! A Selena não acreditou na Miley, nem eu ia acreditar mas... AMEEEI MESMO! posta logo!

    ResponderEliminar
  2. O
    M
    G
    ESSE CAPITULO TA PERFEITO!
    Essa serie vai ser demaaaaaaais~
    Ela viu qem? O Nick OMG QERO SO VER O Q VAI ACONTECER
    POSTA POSTA POSTA

    ResponderEliminar
  3. tá perfeito Jóò.
    Posta Logo, IS. & L.

    ResponderEliminar
  4. Está perfeito amor, posta posta postaaa ^^

    ResponderEliminar
  5. oi, vc pode entrar no meu blog *___*

    meu bog:
    odeioeamo.blogspot.com\

    ResponderEliminar
  6. Amei! Nova aqui :D Li todas as suas histórias lol
    Mas me responde só uma coisA: Foi a Ash que matou a My na história passada?k Thanks

    ResponderEliminar
  7. OMGG OMG OMG OMG OMG!! A Selena viu Jemi?? OMG como? Por que?? NAAAAAO!!
    OMG preciso continuar lendo!!
    História demais, parabéns diva *--*

    ResponderEliminar